SEMINÁRIO SOBRE EDUCAÇÃO DO ESPÍRITO

">SETAGRANDE40

 

 

Por iniciativa da Diretora Janaina Grizante, do Departamento de Evangelização Infantil da USE Araraquara, foi realizado no dia 16 de Outubro, no Centro Espírita “A Caminho da Luz”, o Seminário sobre evangelização infanto-juvenil, proferido por Walter Oliveira Alves, da cidade de Araras- SP. Autor de vários livros sobre a prática pedagógica na evangelização infantil, apresentando o conteúdo e sugestões de atividades de acordo com a faixa etária das crianças.

 

São obras especialmente direcionadas aos evangelizadores com o objetivo de se aperfeiçoarem na arte de educar.

 

Foi um dia especial de estudos e reflexões com a presença de evangelizadores das cidades de Araraquara, Matão, Taquaritinga, Colina, Itápolis, Américo Brasiliense, Motuca e Barretos.

 

Aproveitando a oportunidade o Informativo O Mensageiro realizou uma entrevista com o palestrante que transcrevemos resumidamente:

 

Qual a importância da Evangelização infantil nas Casas Espíritas?

 

Se compreendermos a evangelização como auxilio para a evolução do espírito ela é essencial. Nós podemos auxiliar a evolução dos espíritos desde os primeiros instantes de vida. Atualmente já se fala em evangelização de bebês. Entendemos a educação do espírito como o desenvolvimento das qualidades interiores, o desenvolvimento do reino, como disse Jesus. E tanto no aspecto da razão como do sentimento e da vontade que é aquela força interior que nos leva a avançar. Na minha opinião é uma das tarefas mais importantes da Casa Espírita

 

Como você vê a evangelização infantil no Movimento Espírita já que tem a oportunidade de percorrer cidades e muitas Casas Espíritas?

 

Acho que já mudou bastante. Antigamente deixávamos muito a desejar. Hoje em dia a gente estamos vendo os grupos espíritas já estudando mais, se aprofundando mais , se preocupando em realmente educar a criança. Não apenas só transmitir conteúdo mas, além do conteúdo trabalhar a parte emocional, moral do individuo, trabalhar a vontade, porque as vezes esquecemos, que a vontade é aquela energia interior que dá vibração ao espírito. Estamos no caminho certo ainda temos muito a fazer mas, a evangelização está melhorando dia a dia Atualmente estamos vendo o movimento de arte,  a arte sendo utilizada na evangelização, música, teatro, dança que ainda tem muito preconceito mas ela já está crescendo, a literatura que são os contos e já vemos a arte já diferente, uma arte que leva para cima.

 

E nesse sentido você acha que a tecnologia ajuda, o computador, a internet?

 

Ajuda e temos que utilizar. Ela ajuda, mas de forma alguma é essencial. Se a Casa Espírita não tiver nenhum computador ela tem a coisa mais preciosa que é o ser humano. Então de que me vale ter um computador se a gente não tem a vontade. O principal elemento da evangelização é o evangelizador, as crianças e a equipe espiritual que está ali ajudando. E nós temos a Natureza para trabalhar com as crianças, sair das quatro paredes e ver a natureza, ver a obra de Deus. Os recursos são importantes mas não é vital, pois muito temos a fazer até sem recursos nenhum.

 

Gostaríamos que você deixasse uma mensagem aos evangelizadores.

 

Eu acredito que quem é evangelizador, não é por acaso. Os espíritos investem muito na gente. Quando eu falo na gente é em todos, mas com muito carinho nos evangelizadores. Então provavelmente quem é evangelizador teve um preparo do lado de lá. Ficamos sabendo, por exemplo, que existem várias escolas. Euripedes Barsanulfo mantém uma cidade espiritual que é voltada inteirinha para a evangelização e educação. E ainda há muitas outras escolas espirituais preparando evangelizadores para renascer. Então, quando renascemos e nos sentimos atraídos pelo trabalho de evangelização, persistamos, não desistamos. É uma área que precisa de persistência porque às vezes é pouco valorizada na Casa Espírita. Não é culpa do dirigente, o dirigente às vezes nasceu para fundar uma Casa. Ele fez a parte dele, não é que ele não se importa com a evangelização, ele não nasceu para fazer aquilo. Quem é que nasceu? Os evangelizadores. Então, o próprio evangelizador tem que se valorizar e valorizar seu trabalho para que depois os demais, os dirigentes da Casa, também valorizem.

 

---OUÇAM NA ÍNTEGRA A ENTREVISTA FEITA COM O WALTER OLIVEIRA ALVES NO VIDEO DESTAQUE.

O palestrante Walter Oliveira Alves

O palestrante Walter Oliveira Alves

 

Apresentação do Seminário pela Diretora Janaina Grizante

 

Abertura do Seminário pela Presidenta Marcia A.T. Pinto

 

Nilza Vicente Mello – Diretora Depto. Doutrina; Marcia A.T. Pinto- Presidenta da USE Araraquara; o palestrante Walter Oliveira Alves; Janaina Grizante- Diretora do Depto. Evangelização Infantil e Neusa Stoppa- anfitriã do C.E. A Caminho da Luz

 

Participantes do Seminário